VINHOS E PERFUME

Todos que lêem com relativa assiduidade o PRAGMA sabem que certos temas são recorrentes aqui neste espaço virtual. Dentre eles, os relacionados a vinhos são uma das preferências desse Escriba que vos fala – apesar de não postar algo relacionado nos últimos tempos. Culpa da correria, da falta de conexão à internet, do excesso de trabalho e outros motivos um pouco mais prosaicos. No entanto, encontrei uma razão para falar novamente da enocultura; só que, agora, articulada com a perfumaria.

O perfume Malbec, d’O Boticário, é um dos cases mais espetaculares de sucesso no segmento de perfumaria masculina em nosso país. Feito com álcool extraído das uvas da casta Malbec -típica da Argentina, nosso irmão vizinho -, o Malbec foi lançado em 2004 e atualmente é o produto mais vendido em todas as 2,7 mil lojas da empresa no país. Realmente, além de um aroma muito agradável, repleto de notas bastante exóticas e um excelente fixador, o casamento entre perfumaria e vitivinicultura é um sucesso. A elegante embalagem transmite requinte e sofisticação e o preço é bastante competitivo, tornando-o ainda mais atrativo ao consumidor masculino – notadamente conservador, e que tende a preferir fragrâncias clássicas de grandes labels de luxo, em um típico movimento “em time que está ganhando não se mexe”.
Com essa inovação e ousada aposta, O Boticário rompeu a resistência do consumidor masculino às fragrâncias elaboradas por empresas brasileiras, fazendo com que o Malbec se transformasse em um perfume que alacançou transversalmente as classes econômicas e os estilos de vida masculinos, tornando-o um extraordinário sucesso.
Aproveitando o ensejo do Dia dos Pais, e a consolidação do conceito do produto por parte do mercado, O Boticário resolveu lançar um novo perfume masculino elaborado com álcool vínico. Trata-se do Barolo, feito com álcool extraído da casta Nebbiolo – típica da região italiana do Piemonte, e utilizada na elaboração dessa verdadeira jóia da vitivinicultura da terra da bota, o “rei dos vinhos italianos”.
A empresa gastou cerca de R$ 8,5 milhões no desenvolvimento do perfume. O objetivo da empresa é ampliar a leque de produtos elaborados com esta técnica, transformando a linha Reserva Especial em uma linha de produtos que atenda as necessidades dos diferentes tipos de consumidores – além do perfume, deverão ser lançados outros produtos como desodorante, espuma de barba e sabonetes em 2010.

Para quem gosta de perfume, eis as suas notas:

Notas de saída: cítrico (bergamota, mandarina, limão), geléia de morango, especiarias (açafrão e pimenta preta), frutas (carambola e figo).
Notas do corpo: floral (rosa, íris, gerânio, violeta), groselha, barolo, chocolate.

Notas de fundo: madeira (cedro e patchouli) e âmbar.

Trata-se de um perfume amadeirado ambarado, com um certo grau de rusticidade graças às notas terrosas e de couro, trazendo um ar de virilidade ao usuário. Ou seja, ponto para os “ogrosexuais”, e bola fora para os “metrosexuais”!
Além do mais, ao visitar as lojas, gostei muito do material visual da campanha de lançamento. A idéia do garçom “servindo” o perfume é muito interessante, e só ajuda a fixar o conceito ainda mais na mente do consumidor. Nem preciso dizer que já comprei o Barolo, e gostei muito…
Tudo isso sem “jabá” – escrevi esse post sem receber um tostão de qualquer empresa! Aliás, como é de praxe no PRAGMA e em qualquer atividade minha, dada a minha postura ética.
Apenas uma dica de luxury good para os meus requintados e sofisticados leitores. Eles merecem!
Anúncios
  1. Paulo Omena
    julho 23, 2009 às 7:05 pm

    Muito bom professor. Parabéns pela forma quase que cirgurgica com que você analisa um produto sensacional como o é esse. Parabéns. Grande Abraço

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: