Início > Educação, Ensino Superior, Marketing, Renda > TÁ FEIA A COISA NO ENSINO SUPERIOR PRIVADO

TÁ FEIA A COISA NO ENSINO SUPERIOR PRIVADO

Saiu no Estado de S. Paulo de quinta feira passada: um em cada quatro estudantes paulistas estão inadimplentes no ensino superior privado! Em relação a 2006.1, a taxa cresceu 6,38% segundo informações do Sindicato das Entidades Mantenedoras de Estabelecimentos de Ensino do Estado de São Paulo (Semesp).

A coisa é mais feia do que parece, pois a taxa atual de inadimplência é enorme (23,7% no total), comparado a outros setores onde a inadimplência é bem menor – por exemplo, no crediário a taxa é de 6%, enquanto que o índice de cheques sem fundo no país é de 2%…

Nos extremos dos segmentos de renda, a inadimplência é bem menor: na classe A, os atrasos no pagamento são da ordem de 3%, aproximadamente a mesma taxa observada nos estudantes de classe D. A explicação para isso é bem simples: enquanto no topo da pirâmide, a renda é longe de ser um problema, no extremo inferior os alunos mais carentes são contemplados pelo programa de financiamento do governo federal – denominado de Programa Universidade para Todos (ProUni).

Para variar, o problema se situa exatamente na antiga classe média – ou melhor, o que ainda resta dela… Além da compressão da renda, a lei favorece o alunato inadimplente o que, no entender dos donos de escola, justifica o “calote” de proporções abissais.

Em função desses dados, os gestores dessas universidades patrocinam verdadeiras carnificinas em nome do famigerado “corte de custos”: demissões em massa do professorado, reduções das cargas horárias, fechamento maciço de turmas, aumento das atividades de EaD nas grades dos cursos presenciais sem o devido planejamento para isso… Enfim, coisas que só um mad butcher é capaz de fazer…

Será que as causas para o déficit das escolas particulares reside apenas no fator inadimplência? Será que também os gastos excessivos com salários inflacionados dos gestores, assessores e parasitas familiares que gravitam ao redor das mantenedoras também não contribui para o quadro de desequilíbrio financeiro?

Essas são algumas das hipóteses que esse Escriba levanta. No entanto, como hoje é sábado, deixarei para comentar as desgraças somente no inicio da semana que vem, em respeito ao feriado dos meus leitores…
Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: