Início > Comportamento do Consumidor, Pesquisa de Mercado, Tendências de Consumo > EMPRESAS BRASILEIRAS DESPERTAM PARA A PESQUISA DE TENDÊNCIAS DE CONSUMO

EMPRESAS BRASILEIRAS DESPERTAM PARA A PESQUISA DE TENDÊNCIAS DE CONSUMO

Caríssimos Leitores, muito bom dia! Esta notícia saiu no Valor Econômico desta segunda-feira (18/06). O site inglês WGSN ampliou o número de clientes atendidos em solo pátrio. Em 2006, o site dobrou o número de empresas atendidas no Brasil, tendo crescido 70% e ampliado a receita para US$ 2 milhões.
O Worth Global Style Network Inc. é um site inglês, considerado um dos birôs de estilo e de tendências de consumo dos mais respeitados no mundo inteiro. Seu conteúdo é oferecido on-line, e atende empresas não apenas do setor de moda mas também de outros segmentos como automóveis, eletroeletrônicos, telefonia móvel e agências de publicidade. O custo do serviço é bastante salgado – cerca de US$ 24 mil por ano (!!!) – e o site apresenta em seus relatórios tendências de consumo com até um ano de antecedência.

Por ser um site lançador de tendências de consumo, não apenas os serviços eletrônicos do escritório crescem em escala bastante notável (cerca de 40% do faturamento) dada a necessidade urgente destas informações, mas também como a empresa – controlada pela Emap, um dos maiores grupos de comunicação do mundo – investe a cada dia que passa no aumento do número de pesquisadores cadastrados. Atualmente, são 200 pesquisadores no mundo, 4 deles localizados no Brasil.

Só para vocês terem uma idéia, no Brasil o site tem como clientes empresas do porte da TV Globo, O Boticário, Motorola, Editora Abril, Natura, DM9, Leo Burnett e WBrasil. Além do mais, pelo fato do nosso país se tornar a cada dia que passa um pólo difusor de moda (especialmente moda praia e moda casual), a grande parcela da clientela que vem se associando ao escritório é composta por empresas do setor de confecções. Tal adesão se explica pelo desenvolvimento da ferramenta de pesquisa close to season – “próximo da estação”, em uma tradução livre -, que destaca as tendências atuais das passarelas do mundo inteiro, sob forma de fotos e descrições detalhadas das coleções.
E com isso, aos poucos, as empresas brasileiras começam a aderir às ferramentas de Pesquisa de Mercado. Afinal, em tempos de obsolescência programada e de ciclo de vida dos produtos encurtado, o jeito é investir na previsão e na caça de novas tendências de consumo… Ou seja, antecipar-se, prever, planejar, coletar informações…
Mais informações, é so acessar o link (http://www.wgsn.com)
Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: